Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Uma carta.
Eu estou dispersa. Tenho um milhão e meio de trabalhos pra fazer, mas abro o computador e meu pensamento recorrente é você. Me pego pensando em cada detalhe seu: o toque, o cheiro, a forma como você me olha e seus trejeitos mais banais. Cada pensamento que me leva pra você me faz perder um pouco mais o fio da meada.

Endireito-me, foco nas 800 notas que preciso digitar, e lá estou eu de novo pensando nos desenhos do seu corpo, aquelas manchinhas malditas não saem da minha cabeça. A incrível arte de ficar abobada, olhando pro nada, pensando em você.
Eu te amo. Eu te amo praticamente desde o dia que te conheci. Eu te amo desde uma espera interminável entre um passeio no parque e uma visita no domingo. Eu soube que te amava desde nossa primeira noite juntos, quando nossos corpos encaixaram de uma maneira singular.
Eu amo cada conversa que tivemos, cada beijo que você me dá, cada devaneio que compartilhamos sobre o mundo, e, sobretudo, amo o presente que você me dá, e o futuro que m…

Últimas postagens

entre a cruz e a espada - ninguém sabe onde vai.

o universo incrivelmente grande.

O QUE DIABOS ESTOU FAZENDO?